segunda-feira, 2 de maio de 2011

Chorar dói. Mas sorrir falsamente e ninguém perceber que você precisa de alguém, dói mais ainda.