segunda-feira, 11 de abril de 2011

A gente nasce e morre só. E talvez por isso mesmo é que se precisa tanto viver acompanhado.